Tag Archive: mysql


Concluímos a configuração e disponibilização em todos os nossos servidores de hospedagem Linux e de revendas Linux do framework Ruby on Rais.

A opção está disponível a partir do painel cPanel de cada cliente e pode ser utilizada livremente por todos que a quiserem.

Agora o pacote padrão inclui PHP 5.3.1, Perl, C, C++, Ruby on Rails, Python, MySQL 5, Postgresql 8.4 e muito mais.

Como pacote adicional ainda possuimos a opção de uso do Java/Tomcat para clientes que precisam fazer o uso de servlets Java.

Com isso e nossa infraestrutura, além de uma política agressiva de inovação, inclusive com um quantidade imensa de desenvolvimento de novas soluções de software e infraestrutura (a maioria das soluções desenvolvidas pela BSRSoft é open source), a BSRSoft tornou-se em curto espaço de tempo uma das companhias mais completas para aplicações que rodam em servidores do Brasil.

Oferecendo recursos preciosos para aplicações em nuvem próprias e de clientes, segurança e defesa ativa, reativa e pró-ativa inclusive por meio de nosso sistema de inteligência SIDD, grande quantidade de links, atualização constante da base de software sempre após testes de homologação próprios, recursos de alta disponibilidade, computação de alto desempenho (supercomputadores em cluster para clientes que necessitem dela) e muito mais, inovação está em nosso sangue.

2010 ainda reserva muito mais para nossos clientes, que usufruem de tudo isso por preços altamente competitivos e sempre com atendimento persolizado para suas questões em regime 24/7/365.

Para mais informações e para contratar nossos serviços, entre em:

http://bsrsoft.com.br

A BSRSoft disponibiliza dentro de seu parque de servidores a tecnologia de construção sob demanda de supercomputadores baseada no conceito de clusters interligados via rede interna de alta velocidade (Gigabit) e servidores comodite.

Todos os clusters disponibilizados pela companhia rodam Linux Ubuntu Server 9.04  64bits com partições de trabalho EXT4 e sob consulta, partições  XFS.

Os servidores são do tipo: Xeon X3220 Quad Core Dedicated Server – SINGLE CPU QUAD CORE 2.4GHZ 1066FSB (2×4MB CACHE) com HDs SCSI em RAID 10 e 6 GB de RAM DDR2.

Todos possuem compiladores C, C++, Fortram e interpretador Python instalados com o bônus do uso imediato da biblioteca Parallel Python (http://www.parallelpython.com) que possibilita computação distribuida paralela em nossa rede. Outros softwares podem ser instalados conforme demanda e disponibilidade técnica.

Todo o software que provê o controle e funcionamento do supercomputador é open source.

Em testes com o Parallel Python atingimos em 06/01/2010 a marca dos 13,2 TFlops, que é uma potência respeitável para muitas aplicações conhecidas. Na prática, a estrutura pode atingir com relativa facilidade a marca dos 100 TFlops segundo nossos cálculos, caso haja demanda computacional, já que o cluster é expansível quase que automaticamente com a simples adição de máquinas à rede.

Algumas áreas que podem se beneficiar da potência destes supercomputadores sob demanda são: finanças, engenharia, geoprocessamento, geofísica, química quantica, arquitetura, industria aeroespacial, energia, medicina, inteligência artificial, modelagem atmosférica etc tanto em empresas como em institutos de pesquisa e desenvolvimento.

A BSRSoft já vem utilizando a tecnologia para processamento de dados em redes neurais distribuídas nos serviços suportados pelo SIDD (Sistema de Inteligência e Defesa Digital). Estamos re-escrevendo algumas bibliotecas do sistema para fazerem uso do Parallel Python.

Para mais informações:  http://bsrsoft.com.br/portal/super-computacao/

Atualizamos todos os servidores de hospedagem compartilhada, revenda e servidores utilizados para fins institucionais da BSRSot, assim como para sistemas que mantemos (Windows e Linux) para rodarem com o novíssimo PHP 5.3.1.

Estamos encorajando todos os clientes de servidores dedicados e VPS a fazerem o mesmo.

Para contratar nossos serviços e aproveitar todos os benefícios técnicos nossos, fora nosso atendimento ao cliente e nossos ótimos preços, por favor acesse:   http://bsrsoft.com.br

Algumas caracteristicas da nova plataforma PHP adotada oficialmente pela BSRSoft:

Namespaces
Para quem acompanha o desenvolvimento da linguagem, sabe que essa feature é a mais pedida e a mais polemica nas listas de discussão. Originalmente prevista para sair no PHP6, foi adiantada para alegria da galera :). Essa nova versão virá com uma implementação completa de Namespaces, com suporte a autoload e namespaces hierárquicos.

Isso permite aos desenvolvedores organizar melhor o código, evitando conflitos com bibliotecas internas do PHP ou de terceiros e produz um código mais limpo e legível. Essencial para o pessoal que desenvolve frameworks.

Voce agora pode fazer um código assim:

namespace teste;
class minhaClasse {
const COR = 'Azul';
public function executar(){}
}

e usar assim:

$var = teste::minhaClasse::executar();

ou

use teste;
$var = new minhaClasse::executar();

Para mais informações sobre namespaces, visite aqui(em portugues), aqui ou aqui.

Garbage Collector
Esse item me surpreendeu. Agora é possível fazer limpeza da memoria não mais utilizada, reduzindo os problemas como o fatídico “Memory allocation error”. Excelente para quem constrói sistemas de grande porte e esta preocupado com a escalabilidade.
exemplo de funções:

gc_enable(); // Enable Garbage Collector
var_dump(gc_enabled()); // true
var_dump(gc_collect_cycles()); // # of elements cleaned up
gc_disable(); // Disable Garbage Collector

Performance
No geral esta nova versão é 15% mais rápida. Os itens que se destacam é a otimização do acesso a memoria, melhorias no tratamento de exceções e redução das chamas ao sistema pelos métodos require(_once), include(_once).

MySQLnd
Uma das maiores novidades dessa versão é um nova biblioteca para acesso ao Mysql, feita para substituir a atual e desenvolvida pelo próprio pessoal da Mysql especialmente para o PHP.
Entre as vantagens podemos citar:

  • Velocidade de acesso aos dados
  • menor consumo de memoria
  • integração com o PHP e não dependência de driver
  • possibilidade de retornar estatísticas, para otimização de performance

Infelizmente ainda não existe uma versão para PDO pronta

__DIR__
Agora temos um metodo magico para saber em que diretorio o script está.
O que era feito assim:
echo dirname(__FILE__); // < PHP 5.3

agora pode ser feito assim:
echo __DIR__; // >= PHP 5.3

Novo operador ?:
Parecido com o já existente operador ternário, o operador ?: retorna o valor não vazio de 2 expressões.
Exemplo:

$a = true ?: false; // true
$a = false ?: true; // true
$a = "" ?: 1; // 1
$a = 0 ?: 2; // 2
$a = array() ?: array(1); // array(1);
$a = strlen("") ?: strlen("a"); // 1

__callStatic()
Tem a mesma finalidade da função __call para objetos, mas agora para metodos static.

Static Calls
O PHP agora suporta chamadas dinamicas a metodos static
exemplo:

class helper {
static function foo() { echo __METHOD__; }
}
$a = "helper";
$b = "foo";
$a::$b(); // helper::foo

Bibliotecas e outras coisas

  • Melhorias na classe SPL e adição de novos metodos.
  • Adicionada novas funções de manipulação de datas
  • Criada a opção de “profiling” na XSLT
  • um novo HEREDOC chamado NOWDOC que não precisa escapar as variaveis
  • atualizado para o SQLite 3.5.6
  • varias otimizações CGI/FastCGI SAPI

Novo tipo de erro E_DEPRECATED que indica que o método será removido (Preparando para o PHP6)

Conclusão

Com essa nova versão, a equipe de desenvolvimento do PHP mostra que esta preocupada com o chamado “enterprise ready”, criando features solicitadas pelo mercado e preparando o terreno para o PHP6.

Fonte: http://www.php-zine.net/2008/03/19/novidades-do-php-53/

Hoje, às portas do Natal/2009, acabamos de publicar o início do código fonte do BSRSoft DSFS (Sistema de Arquivos Distribuído para Storage) no Launchpad sob a licença open source Apache 2:    https://launchpad.net/bsrsoft-dsfs

O sistema roda todo sob o MySQL 5 e sua API inicial é escrita em PHP 5.

O código publicado deverá sofrer ainda muitas mudanças, mas já é funcional para guardar arquivos de qualquer tipo e tamanho. Emprega criptografia nativa do MySQL (AES 128 bits) para guardar todos os arquivos, além de compressão para economia de espaço. Tudo de forma transparente.

Segurança e velocidade são alguns dos pontos fortes do BSRSoft DSFS.

A principal aplicação, pelo menos inicialmente, é como storage avançado, distribuído, perfeito para cloud computing (computação em nuvem).

Mas nossos usuários encontrarão, com certeza, aplicações diversas em pouco tempo  🙂

Mais informações, na própria página do projeto no Launchpad e em  http://bsrsoft.com.br/portal/opensource/

Deveremos liberar nos próximos dias o primeiro alpha de nosso projeto de um sistema de arquivos distribuido e que roda sob o banco de dados MySQL 5.1 e com o Core e a API inicial escritos totalmente em PHP 5.2.

O nome do sistema de arquivos, pelo menos inicialmente é DSFS (Distributed Storage File System – Sistema de Arquivos Distribuído para Storage).

O sistema está sendo projetado prioritariamente para ser um sistema especializado em storage de grande porte e alta segurança e velocidade e para rodar em todas as plataformas e arquiteturas em que o MySQL funcione.

Criptografia nativa, metadados, organização em diretórios e um robusto sistema de permissões são os principais alvos neste momento inicial de implementação. Tudo isso e sua natureza distribuida (suportada pelo MySQL) o tornam perfeito para aplicação de strorage na nuvem, por exemplo. (storage usando cloud computing)

O sistema tirará vantagem de clusters locais e distribuidos, que assim poderão criar filesystems gigantescos e ao mesmo tempo com alta redundância, escalabilidade e facilidade inerentes ao MySQL como backup extremamente simples etc.

Pretendemos utilizá-lo em nossos serviços de storage de datacenter inicialmente. Mais aplicações estão sendo cogitadas e a comunidade será livre para utilizar a solução e adaptá-la da forma que desejar..

A licença deverá ser a opensource Apache 2.

Mais informações ficarão disponíveis aqui no blog e no site http://bsrsoft.com.br/portal/opensource/

%d blogueiros gostam disto: